Especialistas e parlamentares debatem sobre relatório alternativo da CPI dos Ônibus

Depois de apresentar o relatório alternativo da CPI dos Ônibus à força-tarefa da Lava Jato no Rio, no Ministério Público Federal, e ao Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, o vereador Tarcísio Motta irá realizar um debate com especialistas em transporte público e com o deputado Eliomar Coelho, presidente da CPI dos Transportes da Alerj. O encontro, marcado para esta sexta-feira (20/4), às 9h 30, será realizado no plenário da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, na Cinelândia.

Além dos parlamentares, irão compor a mesa de debate: Clarisse Linke, diretora do Instituto de Políticas de Transporte & Desenvolvimento (ITDP Brasil); Rosângela Luft, professora do Ippur/UFRJ; e Jorge Martins, perito da CPI dos Ônibus do Rio e professor da Coppe/UFRJ.

O relatório alternativo foi elaborado pelo mandato de Tarcísio Motta. O documento estima um superfaturamento de despesas no valor de R$ 3,6 bilhões por parte das empresas de ônibus, que justificaram equivocadamente o aumento das passagens, e apresenta uma série de recomendações e 51 indiciamentos de empresários e agentes públicos.

Para que a Lei Orgânica do município seja cumprida, Motta recomenda a cassação da licitação de 2010 e que uma empresa pública organize e coordene o sistema de transportes, que hoje é controlado pela Fetranspor.

Foto: Tânia Rêgo/ Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.