Tarifas de ônibus aumentam para R$ 3,95 nesta quinta-feira

A Justiça suspendeu a liminar obtida pelo Ministério Público que impedia o reajuste das passagens de ônibus no Rio. Com a decisão, o valor de R$ 3,95  começa a valer a partir desta quinta-feira. O preço das tarifas integradas dos ônibus do Rio também aumentou. A integração entre metrô e ônibus passou de R$ 5,55 para R$ 5,80, e a integração entre os ônibus e os articulados do BRT, que custava R$ 6,20 subiu para R$ 6,50.

O Rio Ônibus, sindicato das empresas do setor disse, por meio de nota que “a nova tarifa é o primeiro passo para viabilizar a recuperação do transporte e futuramente modernizar o sistema”.

Segundo a desembargadora Marília de Castro Neves Vieira, da 20ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, que derrubou a liminar, a nova tarifa está abaixo daquela que seria aplicada com base nas regras do contrato de concessão, de R$ 4,05. “O que não se pode autorizar é que durante esse período o sistema entre em colapso diante de uma tarifa reconhecidamente insuficiente para remunerar os serviços”, escreveu a desembargadora em sua decisão.

Na segunda-feira (25/6), a Prefeitura tentará revogar a liminar, na primeira instância, em processo que corre na 14ª Vara de Fazenda Pública. Na quinta-feira passada, A juíza Neusa Larsen concedeu liminar em favor do Ministério Público (MP) que suspendeu os efeitos do decreto do prefeito Marcelo Crivella, que aumentou as passagens. Na decisão, a juíza exigiu que fossem apresentados estudos para comprovar se, de fato, o valor da nova tarifa excluiu dos cálculos qualquer valor adicional para que a frota seja equipada com ar-condicionado. Em ações, o MP conseguiu reduzir o preço das tarifas, alegando que o custo da climatização dos coletivos não era previsto no edital de concessão.

Foto: Tânia Rêgo/ Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.