Novo RioCard poderá ser usado para compras e saque

O cartão Riocard, que é usado no transporte público, servirá de cartão de débito pré-pago, que será aceito também nos táxis. A Prefeitura do Rio ainda não marcou a data, que a novidade entrará em vigor no próximo ano. Atualmente, o RioCard serve para pagar passagens no metrô, trens, barcas, ônibus, VLT e vans legalizadas.

O Riocard Mais poderá ser usado em qualquer estabelecimento comercial que aceite a bandeira Visa, que estampará o cartão. Além de compras pela internet e em lojas físicas, o cartão poderá ser utilizado em supermercados, lojas de vestuário e farmácias. Segundo o gerente de negócios do RioCard Daniel Werneck, o cartão ainda poderá ser utilizado para pagamento de serviços recorrentes como streaming e TVs a cabo e fazer saques na rede 24Horas.

Mesmo quem tem o nome sujo poderá ter acesso ao serviço. O cadastro e a recarga deverão ser feitos em um aplicativo que ainda será lançado, e não exigirá consulta ao SPC e Serasa porque o usuário só gastará o que for previamente carregado no cartão. O Novo RioCard é uma parceria entre a operadora de cartões e a Prefeitura do Rio. A aquisição será gratuita.

O RioCard Duo tem funcionado como uma experiência no mercado, e hoje só pode ser adquirido na loja do RioCard no Centro.  A versão Mais terá outras opções: poderá ser encontrado em todas as lojas do sistema, nas máquinas de recarga em pontos conveniados e via internet. Outras informações estão disponíveis no site www.cartaoriocard.com.br.

Na ocasião em que apresentou o cartão, na última quinta-feira (1/10), no Palácio da Cidade, o prefeito Marcelo Crivella disse que o RioCard Mais acabaria com a “caixa preta dos ônibus”, já que a Prefeitura saberá a quantidade de passageiros, viagens e gratuidades. No entanto, nem a Prefeitura e nem o RioCard  esclareceram como esse controle será possível.

Foto: Divulgçao/ Prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.