Crivella anuncia projeto de lei para atender motoristas de vans

Após protesto de motoristas de vans, cobrando promessas feitas na campanha, o prefeito Marcelo Crivella disse que vai enviar à Câmara Municipal de projeto de lei que prevê, no prazo de 90 dias, o ajuste das linhas do transporte alternativo e a anistia parcial de multas da categoria.

O anúncio foi feito em reunião realizada nesta terça-feira (18/06), no Palácio da Cidade, com representantes dos condutores de vans. “A lei fixa um prazo de 90 dias para que a Secretaria de Transportes possa, finalmente, adequar todas as linhas do transporte alternativo e complementar, para que haja viabilidade econômica e financeira do sistema”, afirmou o prefeito.

Segundo a Prefeitura, as licitações das linhas, que é uma das principais demandas da categoria, serão feitas após o processo de ajuste. Sobre as multas, o prefeito explicou que a anistia valerá apenas para vans que saíram de seus itinerários, mas permaneceram em suas respectivas áreas de planejamento. “Criamos um projeto de anistia e mandamos para a Câmara. Se os motoristas saíram do itinerário dentro da região, ficam contemplados na anistia. Mas se tinha que rodar em Santa Cruz e foi rodar no Leblon, a anistia não contempla”, disse Crivella.

Ainda de acordo com a Prefeitura, um dos diretores do Movimento em Defesa do Transporte Alternativo (MTDA), Vitor Rodrigues elogiou o canal aberto com o prefeito e os resultados do encontro. Na semana que vem, será realizada uma nova reunião entre os líderes da categoria e Crivella. “Apresentamos para ele todas as nossas reivindicações, como as multas que foram aplicadas injustamente nas vans. O prefeito deu algumas soluções de curto prazo e estabelecemos uma agenda para tratar pendências mais minuciosas”, afirmou Rodrigues.

Os vereadores Felipe Michel e Alexandre Isquierdo participaram da reunião.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.