Justiça nega rescisão de contrato do VLT com a Prefeitura

A Justiça do Rio negou a liminar solicitada pelo VLT Carioca para a rescisão unilateral do contrato com a Prefeitura. A decisão abre espaço para manifestações do município. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (11/07) na coluna do jornalista Ancelmo Gois.

Na decisão, a juíza Marcia Regina Sales Souza, da 2ª Vara da Fazenda Pública disse que “a questão suscitada demanda a análise detida e aprofundada das alegações a serem apresentadas por ambas as partes em litígio, não se justificando o excepcional afastamento do contraditório, razão pela qual, indefiro, por ora, o pedido de antecipação dos efeitos da tutela”, julgou a magistrada.

Segundo a concessionária, o motivo do pedido é a dívida de mais de R$ 150 milhões da Prefeitura com a empresa. O valor é referente ao investimento do VLT Carioca na implantação das linhas.

Foto: Divulgação/VLT Carioca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.