Motoristas de ônibus são multados por desrespeitar gratuidade

A Operação Direito do Idoso, deflagrada na manhã desta quinta-feira (11/07), puniu motoristas de linhas de ônibus, que não respeitam a lei da gratuidade. A ação foi realizada, na Tijuca, pela Secretaria Municipal de Envelhecimento Saudável, Qualidade de Vida e Eventos (SMESQVE) em parceria com a Secretaria Municipal de Transportes (SMTR).

Em 40 minutos de fiscalização, os agentes flagraram dois motoristas que não pararam para uma idosa que fez o sinal, no ponto da Rua Conde de Bonfim, na Tijuca. Na parada seguinte, eles foram interceptados pelos fiscais da SMTR e a empresa recebeu uma multa de R$ 1.778,40 (520 Ufir-RJ) cada, além de serem repreendidos pelo secretário da SMESQVE, Felipe Michel. “Esta é a primeira ação da Operação Direito do Idoso que a Prefeitura está promovendo. Assim que assumimos a secretaria, fizemos um levantamento das maiores reclamações ao 1746 e constatamos que o desrespeito à gratuidade e a violência contra o idosos são as campeãs”, disse o secretário. Felipe Michel disse ainda que nesta sexta-feira (12/07) a equipe da secretaria estará em três pontos da cidade, orientando a população sobre os canais para fazer as denúncias. “As ações serão frequentes”, explicou Michel.

Segundo a Central 1746, da Prefeitura, as linhas com condutores que recebem mais denúncias por não pararem no ponto para idosos são a 410 (Saens Peña– Gávea) e a 422 (Grajaú – Cosme Velho).

Foto: Divulgação/Prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.