TCE-RJ determina retomada das obras da linha 4 do metrô

O governo do estado terá que apresentar, em até 10 dias, um plano de emergência para a retomada das obras da Linha 4 do metrô. A determinação foi feita nesta quarta-feira (06/08) pelo plenário do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ). Em seu voto, o conselheiro Rodrigo Nascimento, relator do processo, afirmou que a longa paralisação coloca “vidas em risco”.

Em junho, o TCE-RJ fixou prazo de cinco dias para que o governador do estado, Wilson Witzel, e o secretário estadual de Transportes, Delmo Pinho, apresentassem as medidas que estão sendo adotadas para a retomada das obras da estação Gávea do metrô, paralisadas desde 2015. Uma recente nota técnica da Diretoria de Engenharia da Riotrilhos, “aponta para a existência de risco de estruturas ruírem e colocarem em perigo vidas e a estrutura de prédios” do entorno da estação.

A Linha 4 do metrô foi inaugurada para os Jogos Olímpicos de 2016 e liga a Zona Sul à Barra da Tijuca. Previa um corredor paralelo à Linha 1 e estações como Gávea, Jardim Botânico e Humaitá. Na inauguração, tornou-se um prolongamento da Linha 1, a partir de Ipanema, mas manteve um “braço” até a Gávea.

Foto: Alerj / Divulgação

Um comentário em “TCE-RJ determina retomada das obras da linha 4 do metrô

  • 9 de agosto de 2019 em 16:13
    Permalink

    Negativo!
    Não há braço algum na Gávea e a linha 4 jamais foi implantada!
    Foi feito apenas um prolongamento da Linha 1 até Jardim Oceânico. O resto é balela.
    A Linha 4 precisa ser implantada com urgência.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.