Covid-19: Bondinho de Santa Teresa é restrito a moradores

Uma portaria da Companhia Estadual de Engenharia de Transportes e Logística – Central, publicada no Diário Oficial do Estado do Rio, nesta quarta-feira, proíbe a circulação de turistas nos bondes de Santa Teresa. A circulação nos bondinhos fica restrita a moradores do bairro que estão cadastrados e não pagam passagem, desde que comprovem essa condição.

A portaria também limita a 24 passageiros, todos sentados, dentro do bonde. A lotação padrão do transporte é de 34 pessoas. Para que seja cumprida a decisão, com base na decisão do governador Wilson Witzel de limitar a circulação de pessoas, dentro do decreto de estado de emergência, foi suspensa a venda de bilhetes não só para turistas, mas também para moradores não cadastrados. A passagem custa R$ 20.

Os invervalos serão de 30 minutos, com saídas da estação Carioca, com nos mesmos horários: de segunda-feira à sexta-feira, das 8h às 17h40; sábado, das 10h às 17h40; e domingo, de 11h às 16h40.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.