Prefeitura de Caxias recorre para manter comércio aberto

A Procuradoria Geral do Município (PGM) de Duque de Caxias entrou com recurso para manter todo o comércio do município aberto. Segundo a prefeitura, enquanto esse recurso estiver sendo julgado, as lojas não poderão ser fechadas. Na tarde desta segunda-feira (25/05), no primeiro dia do restabelecimento de todas as atividades comerciais, a Justiça, a pedido da Defensoria Pública, suspendeu o decreto do prefeito de Duque de Caxias que permitia a flexibilização do isolamento social no município sob pena de multa diária de R$ 10 mil a ser imposta o prefeito Washington Reis (MDB).

O Ministério Público do Estado do rio (MPRJ), nesta terça-feira, ingressou no processo e apresentou diversos dados técnicos sobre a subnotificação da Covid-19 e sobre o déficit de leitos e de recursos em saúde em Duque de Caxias. OMPRJ cobrou a apresentação de laudo técnico que demonstre que a flexibilização não demonstra risco à saúde pública.

O município é o segundo com maior número de mortes causadas por Covid-19 no estado, atrás apenas do Rio. Até este domingo (24/05), a cidade registrou 182 mortes e 1.184 casos de contágio por coronavírus.

De acordo com o prefeito Washington Reis, o sistema de saúde do município “está dando conta” e a “população está consciente”. Reis prometeu assumir “toda a responsabilidade” caso os números da doença voltem a subir. “Mas eu também tenho responsabilidade que a arrecadação, que caiu pela metade. Sem arrecadação a gente não vai ter médico nenhum”, afirmou.

Foto: TV Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.