Secretária de Transportes descarta aumento de passagens

A secretária municipal de Transportes, Maína Celidonio de Campos, anunciou na manhã desta segunda-feira (04/01) que “não haverá aumento das passagens” no Rio e que fará, nos próximos dias, uma auditoria no sistema do BRT. Maína fez o anúncio quando esteve na Estação do BRT Santa Cruz durante a ação integrada, em parceria com outros órgãos municipais, para reduzir o risco de transmissão do coronavírus.

A secretária informou que está desenvolvendo estudo, junto ao BRT Rio, sobre a frota de articulados disponível e a demanda de passageiros, para reorganizar a distribuição de linhas. Com isso, espera diminuir a concentração de usuários nas estações, principalmente em horários de pico da manhã e à tarde.

Maína Celidonio disse ainda que a pasta está fazendo um estudo de todas as linhas alimentadoras e não alimentadores “que caíram durante a pandemia ou já estavam sem operação para entender o motivo pelo qual essas linhas de ônibus não estão em operação”.

Reabertura de estações

A Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) informou que fez um plano para a reabertura de sete das 56 estações fechadas nos corredores de BRTs neste primeiro mês de trabalho – todas na Zona Oeste. Já nesta segunda-feira (04/01) foram reativadas as estações Pinto Teles e Bosque Marapendi (Módulo Expresso). Tanque (Módulo Expresso), André Rocha, General Olímpio, Nova Barra e Praça do Bandolim serão as próximas. Todas estão passando por pequenos reparos. Durante este mês de janeiro, a secretaria divulgará um cronograma de reabertura de outras estações.

Segundo o BRT Rio, a estação Pinto Teles foi entregue com nova pintura, iluminação interna com luminárias de LED, e externa, com refletores, bilheteria reformada, vidros instalados e nova programação visual. Já no módulo da Bosque Marapendi, que havia passado por reparos em junho, foi feita uma revisão nos equipamentos, na porta de rolagem e limpeza geral do espaço.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.