Eduardo Paes anuncia intervenção no BRT e na bilhetagem

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, anunciou nesta quarta-feira (03/03) uma intervenção no BRT e na bilhetagem eletrônica. Nas redes sociais, Paes disse que o município cuidará dos corredores exclusivos e do controle das passagens até a conclusão de uma nova licitação.

O prefeito comentou ainda que está trabalhando a partir de hoje nos detalhes dessa transição. “Na manhã de hoje tivemos uma reunião com as concessionárias do sistema de transportes da cidade do Rio de Janeiro. Informamos a eles que serão retirados da concessão o sistema de Bilhetagem Eletrônica e o sistema de BRT”, escreveu Paes.

Os prazos para essas ações serão informados pelo município ao longo das próximas semanas. O prefeito alertou ainda que os resultados não poderão ser vistos a curto prazo, mas que a expectativa é que o BRT possa voltar a funcionar o mais rápido possível. “Depois de tanta destruição, vai levar ainda algum tempo mas podem ter a certeza de que vamos fazer o Rio voltar a dar certo”, destacou o prefeito.

Paes destacou que, atualmente, quase 40% das linhas de ônibus estão “desaparecidas” na cidade e que há uma ausência do serviço à noite, deixando áreas do Rio “completamente desatendidas e descobertas”. Ele lembrou que as estações do BRT estão degradadas e algumas até desativadas.

Bilhetagem eletrônica

Outra decisão tomada por Paes foi a de licitar o sistema de bilhetagem eletrônica do transporte público (ônibus convencionais, BRT, VLT e vans), que era administrado pelas empresas de ônibus. Durante a intervenção no sistema BRT, serão implementados mecanismos de maior controle até que a nova concessionária assuma o sistema.

A Prefeitura do Rio enviou para a Câmara dos Vereadores um projeto de lei que permite ao Município delegar a operação da bilhetagem eletrônica do transporte público da cidade.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.