Detro aplica 3.259 multas nas fiscalizações realizadas em 2020

O Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (Detro-RJ) aplicou 3.259 notificações no ano passado. Este foi o resultado das fiscalizações em ônibus e vans intermunicipais, além do combate ao transporte remunerado sem autorização do poder concedente.

A principal irregularidade flagrada ao longo de 2020 foi o transporte ilegal. Nas ações diárias, realizadas em todo o estado, 1.597 veículos foram multados e apreendidos. Nas blitzes, os fiscais também verificaram as vans intermunicipais regulares e registraram 333 infrações, por problemas como excesso de passageiros, embarque fora do ponto, desvio de itinerário, documentação irregular, entre outros.

Já nas ações nos terminais rodoviários, as equipes do Detro multaram 1.329 coletivos. Entre os motivos mais recorrentes estavam o mau estado de conservação, falta de selo de vistoria, documentação irregular, problemas referentes a acessibilidade, horário irregular e paralisação de linha.

Em 2020, além das operações regulares, foram realizadas ações especiais para a verificação das normas relativas à prevenção da covid-19. Agentes ainda fizeram fiscalizações voltadas para garantir o cumprimento das questões de acessibilidade e de combate ao transporte irregular no entorno das rodoviárias nos períodos de feriados prolongados.

Fiscalização intensificada nas festas de fim de ano

O Detro-RJ intensificou a fiscalização em diversos pontos do estado, principalmente no período de maior movimentação de passageiros, que foram os feriados prolongados de Natal e de Ano Novo. Além disso, o órgão atuou em conjunto com a Prefeitura do Rio, realizando barreiras em alguns pontos da capital, para evitar a chegada de veículos de fretamento em pontos turísticos, para conter a propagação do coronavírus. Em dezembro, 110 ônibus e 13 vans intermunicipais foram multados; e 81 veículos particulares, que realizavam transporte remunerado sem autorização do poder concedente, foram apreendidos. 

Segundo o órgão, além das ações de inteligência, as denúncias dos usuários, recebidas por meio da Ouvidoria do Detro-RJ, são fundamentais para nortear as operações. Os cidadãos podem entrar em contato por telefone (21 – 3883-4141), e-mail (ouvidoria@detro.rj.gov.br) ou pelo WhatsApp Fale Detro (21- 98596-8545).

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.