Bandidos armados em fuga sequestram trem da Supervia

Criminosos que fugiam de uma operação da Polícia Militar no Jacarezinho na manhã desta segunda-feira (19/10), sequestraram um trem de serviço da Supervia. Os funcionários da concessionária estavam fazendo inspeção na rede aérea da região, a fim de ver se algum tiro havia danificado a estrutura quando um grupo de dez homens armados invadiu a via férrea, próximo a Triagem, rendeu dois maquinistas e os obrigou a seguir viagem até a Mangueira, cerca de 1,5 km adiante.

Depois do sequestro, os técnicos precisaram de atendimento psicológico, mas ninguém ficou ferido. A Supervia informou que estava em contato com as autoridades “para fornecer todos os subsídios possíveis e disponíveis para auxiliar à investigação do caso e na identificação dos responsáveis”.

O Grupamento de Policiamento Ferroviário (GPFer) foi acionado após tomar conhecimento do fato.

Operação policial no Jacarezinho

Desde cedo, a Polícia Militar fazia uma operação no Jacarezinho, Manguinhos e Mandela com policiais do Batalhão de Ações com Cães (BAC), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope). Até as 13h, havia um homem preso, apreensão de drogas a serem contabilizadas e de duas motocicletas.

Houve relatos de tiros e de bombas desde a madrugada. Policiais do Batalhão de Choque e do Batalhão de Operações Especiais (Bope) reforçaram o policiamento no local com blindados.

Bandidos montaram barricadas para dificultar a ação da polícia. Por causa dos tiros, a circulação de trens no ramal Belford Roxo foi suspensa das 5h40 às 10h05, segundo a SuperVia.

Duas das principais vias da região, a Avenida Dom Hélder Câmara, na altura do Jacaré, e a Rua Leopoldo Bulhões, próximo a Manguinhos, chegaram a ser fechadas ao trânsito, mas reabriram por volta das 7h15.

Foto: Reprodução de TV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.