Comissão de Transportes prepara blitz na Rodoviária

A Comissão de Transportes da Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj) e órgãos de fiscalização preparam para a próxima semana uma blitz relâmpago conjunta que visa retirar de circulação táxis, vans e veículos particulares, em sua maioria ilegais, que atuam na Rodoviária Novo Rio.

De acordo com denúncias, motoristas do transporte irregular disputam diariamente os passageiros que desembarcam na Rodoviária Novo Rio e cobram o que querem sem sofrer nenhum tipo de proibição. Segundo o deputado Dionísio Lins (Progressista) e presidente da comissão da Alerj, a operação será desencadeada devido ao grande número de reclamações recebidas.

Para agilizar o registro dessas queixas, o parlamentar coloca à disposição dos usuários de transportes, o e-mail comissaotransportesalerj@gmail.com. As queixas recebidas serão enviadas aos órgãos competentes e acompanhadas e cobradas pelos técnicos da comissão. Não haverá necessidade de identificação do denunciante.

“É um absurdo o que vemos diariamente e principalmente nos finais de semana, quando é registrado um aumento no embarque e desembarque de passageiros, de táxis piratas, motoristas particulares e vans ilegais, que disputam esses passageiros com as cooperativas cadastradas e legalizadas existentes no local”, destaca Dionísio Lins.

De acordo com o deputado, os infratores se aproveitam da falta de conhecimento dos que chegam na cidade e da total falta de fiscalização, e oferecem aos gritos o serviço de transporte. “Recebemos a informação de pessoas ligadas à administração da rodoviária e de taxistas, que o número de carros particulares e táxis piratas que circulam no entorno da rodoviária é de 40 veículos todos os dias. Isso precisa ter um fim”, disse.

Foto: Divulgação

Um comentário em “Comissão de Transportes prepara blitz na Rodoviária

  • 14 de junho de 2021 em 21:22
    Permalink

    O maior transporte PIRATA SE CHAMA CARROS DE APLICATIVOS UBER, 99 ISSO SIM VOCÊS DEVERIAM FISCALIZAR também.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.