Linha 833 Manguariba X Campo Grande volta a rodar nesta 2ª-feira

A linha 833 (Manguariba X Campo Grande) volta circular na próxima segunda-feira (26/09). De acordo com o planejamento , a linha deve cumprir 40 viagens diárias de ida e volta, com intervalos médios de 22 minutos em horários de pico. Confira o itinerário:

IDA: Rua João Batista (Rua 11), Estrada de Manguariba, Estrada dos Palmares, Avenida Brasil, Retorno, Avenida Brasil, Estrada dos Palmares, Estrada do Campinho, primário, Estrada do Campinho, Rua Campo Grande, Rua Gianerini.

VOLTA: Rua Gianerini, Rua Aracaju, Rua Barcelos Domingos, Rua Alfredo de Moraes, Rua Ivo do Prado, Rua Campo Grande, primário, Estrada do Campinho, Estrada dos Palmares, Avenida Brasil, Retorno, Avenida Brasil, Estrada dos Palmares, Estrada de Manguariba, Rua João Batista (Rua 11).

A SMTR informará nos próximos dias a relação de linhas de ônibus que voltarão a operar no mês de outubro.

Com esse serviço serão 54 linhas restabelecidas na cidade desde o dia 1º de junho, quando começou a vigorar o acordo judicial firmado entre o Município, os consórcios de ônibus e o Ministério Público Estadual. O plano tem como objetivo regularizar, de forma gradual, o serviço de ônibus para atender todas as regiões da cidade.

53 linhas que já iniciaram a operação:

CONSÓRCIO SANTA CRUZ: 808 (Salim x Campo Grande); 741 (Sulacap x Bangu); 743 (Sulacap x Bangu); 870 (Sepetiba X Santa Cruz); 871 (Pingo d`Água x Estação Cesarão III – Via Sepetiba); 822 (Campo Grande X Corcundinha); 849 (Campo Grande X Base Aérea de Santa Cruz); 845 (Cantagalo X Campo Grande), 892 (São Benedito X Santa Cruz), 851 (Campo Grande X Escola Amazonas), 388 (Cesarão x Candelária), 893 (Jardim Palmares x Campo Grande), 899 (Barra de Guaratiba X Terminal Recreio), 885 (Santa Cruz X Mato Alto – via Pedra de Guaratiba), 825 (Campo Grande X Jesuítas) e 809 (Sagrado Coração X Santa Cruz).

CONSÓRCIO INTERNORTE: 311 (Engenheiro Leal x Candelária); 685 SVB (Irajá x Méier); 922 (Tubiacanga X Fundão – Via Portuguesa); 925 (Rio Galeão X Bancários), 778 (Pavuna X Cascadura – Via Estrada de Botafogo), 665 SVA (Pavuna X Saens Peña), 349 (Rocha Miranda X Castelo), 669 (Pavuna x Méier), 951 (Vicente de Carvalho x Vista Alegre), 277 (Rocha Miranda X Candelária), 665 SVB (Pavuna X Saens Peña – via Barros Filho), 669 SV (Pavuna X Méier – via Costa Barros), 254 (Madureira X Candelária) e 915 (Bonsucesso X Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro).

CONSÓRCIO TRANSCARIOCA: 990 (Merck x Joatinga); 987 (Gardênia Azul x Pechincha); 881 (Alvorada X Taquara – Via Curicica e Camorim); 817 (Piabas X Terminal Recreio), 651 (Méier X Cascadura), 652 (Méier X Cascadura), 831 (Colônia x Taquara), 865 (Pau da Fome x Taquara), 709 (Cascadura X Amarelinho), 785 (Cascadura X Coelho Neto) e 678 (Méier X Vila Valqueire).

CONSÓRCIO INTERSUL: 010 (Bairro de Fátima x Central); 435 (Grajaú x Gávea); 014 (Paula Matos X Castelo); 104 (São Conrado x Rodoviária), 201 (Santa Alexandrina X Castelo); 448 (Maracaí X São Conrado), 603 (Usina x Saens Peña), 626 (Saens Peña x Muda), 157 (Gávea-Castelo, via Fonte da Saudade), 605 (Vila Isabel x Saens Peña, via Maracanã), 229 (Usina X Castelo) e 012 (Rodoviária X Castelo, via Lapa).

Conforme foi estabelecido no acordo judicial, além da receita da tarifa paga pelos passageiros de R$ 4,05, os consórcios irão receber um valor adicional pelo serviço efetivamente prestado com base no quilômetro rodado. A prefeitura vai atestar a quilometragem rodada por meio de GPS.

Foto: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.