Após acidente com carreta, Linha 2 opera normalmente

Técnicos da Secretaria de Infraestrutura realizaram o içamento da passarela no trecho sobre os trilhos da Linha 2 do metrô, nesta sexta-feira, após o acidente com uma carreta que derrubou a estrutura no fim da noite desta quinta-feira, na Avenida Pastor Martin Luther King Jr., em Acari. A passarela teve de ser desmontada e providenciada a retirada da sucata. O caminhão foi destombado para a liberação total da via, no sentido Pavuna, próximo ao Hospital Municipal Ronaldo Gazolla.

A circulação do metrô foi normalizada por volta das 7h. Cinco estações ficaram fechadas entre 5h e 6h20. Pavuna, Engenheiro Rubens Paiva, Acari, Coelho Neto e Colégio só puderam ser reabertas após a desobstrução dos trilhos, por volta das 7h, quando a circulação de todas as linhas foi normalizada.

Em nota, a concessionária disse que durante a madrugada e a manhã desta sexta-feira, 120 colaboradores da do Metrô Rio atuaram para a retirada de uma composição e liberação dos trilhos. De acordo com a operadora, todos os passageiros foram retirados com segurança.

Construção de nova passarela

Para minimizar os impactos causados pelo acidente, a secretaria de Infraestrutura disse que acelera o processo de colocação das escadas em uma passarela que já havia sido parcialmente construída, tendo sua estrutura central pronta. Segundo a pasta, a previsão é que a nova ponte seja entregue à população na próxima semana. Por enquanto, os usuários podem utilizar as outras estruturas, que ficam a cerca de 250 metros do local e uma no sentido contrário a cerca de 400 metros. Segundo os moradores da região, para chegar a esses locais terão de fazer uma caminhada de cerca de 30 minutos.

Motorista perdeu o controle da carreta

O motorista de um caminhão, identificado apenas como Francisco José, de 60 anos, que transportava farinha perdeu o controle, acessou a Avenida Pastor Martin Luther King Jr. na contramão e acabou atingindo um carro. Ao tentar desviar, ainda acertou o meio fio, e a carreta tombou, atingindo a passarela, que foi parar na linha férrea. Poucos segundos depois uma composição do metrô chegou a colidir com a estrutura. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, o Francisco José foi atendido e liberado no local. A subprefeitura da Zona Norte informou que o motorista de um veículo de passeio atingido pelo caminhão sofreu ferimentos leves.

Foto: Reprodução Internet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.