Problema na rede aérea para trens em trecho de Saracuruna

A circulação de trens do trecho Gramacho-Saracuruna do ramal Saracuruna ficou suspensa por mais de duas horas no início da manhã desta segunda-feira (31/08). Os usuários dos trens tiveram de recorrer aos ônibus, que partiam dos pontos lotados. Outros optaram por vans, carros por aplicativos ou mesmo a caronas.

O problema fez com que três estações – Campos Elíseos, Jardim Primavera e Saracuruna, em Duque de Caxias – e a extensão Vila Inhomirim ficassem fechadas até as 7h40.

O trecho entre Central do Brasil e Gramacho reabriu normalmente, mas, até por volta das 8h, estava com intervalo irregular. Segundo a SuperVia, por volta do meio-dia a circulação dos trens estava normalizada.

Por meio de nota, a concessionária informou que a interrupção aconteceu por causa de um problema na rede área da região. “Foi uma ocorrência na rede aérea, nas proximidades da estação Gramacho. Os reparos foram concluídos. A circulação no trecho entre Gramacho e Saracuruna e na extensão Vila Inhomirim foi iniciada às 7h40. Nesse momento, todas as estações estão abertas e o intervalo entre Gramacho e Saracuruna está em processo de normalização.”

Problema se repete

Na última quarta-feira, passageiros também reclamaram de atrasos de quase uma hora nas viagens. Segundo usuários, tudo começou quando a composição que seguia para a Central do Brasil enguiçou, por volta das 9h na estação Parada de Lucas. As portas ficaram trancadas e num primeiro momento ninguém conseguia sair. A situação permaneceu assim por alguns minutos, até que todos desembarcaram na plataforma.

Na ocasião, a SuperVia confirmou que ocorreu um problema técnico no pantógrafo, equipamento que liga o trem à rede elétrica e que os passageiros foram orientados a fazer transferência para outra composição.

Foto: Reprodução de TV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.