Rio em Estágio de Alerta com previsão de chuva fraca

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, realizou uma coletiva de imprensa no Centro de Operações Rio para fazer um balanço de ações do município para reduzir os impactos do temporal.  “O pior já passou, sem os acidentes que tivemos na noite de quarta-feira passada”, afirmou o prefeito.

O Rio permanece em Estágio de Atenção desde 10h30 do último sábado (9). Segundo o Alerta Rio, serviço meteorológico da Prefeitura, a chuva mais intensa, associada à frente fria, ocorreu nesta madrugada e início da manhã desta quarta-feira (13/02). Neste período, foram registrados os acumulados acima de 80 milímetros em pontos da Zona Norte. Ainda de acordo com o Alerta Rio, entre a noite de ontem e início da tarde desta quarta, choveu em média nas estações meteorológicas 51,6mm. A chuva foi prevista anteriormente para o final desta quarta-feira, mas, a previsão do tempo foi atualizada. 

Na quinta-feira (14/02), permanece a previsão de chuva fraca, podendo ser moderada em pontos isolados, com ventos de intensidade moderada em ao longo do dia devido ao transporte de umidade. Não há previsão de chuva a partir da tarde.

O Alerta Rio informou também que, na sexta-feira (15/02), a formação de um sistema de baixa pressão próximo à costa do Rio de Janeiro deixa o tempo instável, com previsão de pancadas de chuva moderada a forte, principalmente a partir do fim da tarde, acompanhadas de rajadas de vento forte e raios.

Nesta quarta-feira, o Centro de Operações Rio recebeu informes de 20 quedas de árvores, sendo que 14 já foram retiradas das vias. A Defesa Civil do Rio recebeu 43 chamados para vistoria das 19h de terça (1202) até as 9h desta quarta (13/02), em decorrência das chuvas. Os bairros de maior demanda foram a Barra da Tijuca, Campo Grande e Rocinha, com quatro chamados cada um; e Barra de Guaratiba, com três ocorrências.

Do total de chamados, um foi classificado como emergencial: a queda de árvore em poste de energia e em parte de um imóvel, em Campo Grande. Técnicos do órgão aguardam liberação da Light e do Corpo de Bombeiros para execução da vistoria.

Foto: Centro de Operações Rio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.